quinta-feira, Janeiro 28, 2010

ROOM 205 / KOLLEGIET


de Martin Barnewitz, 2007 [Dinamarca]
☻☻
Agora que se anuncia «The Dorm» para breve, novo remake a juntar à lista das produções da Ghost House Pictures de Sam Raimi, nada como relembrar o filme que lhe serviu de inspiração. «Room 205» («Kollegiet» no original) é um filme dinamarquês a piscar o olho ao cinema de Hideo Nakata, algures entre «Ringu» e «Dark Water», que acompanha as peripécias macabras de um fantasma à solta nos corredores de um dormitório de estudantes. Percebe-se o interesse de Raimi, uma vez que ele já havia refeito «Ringu» para audiência americana ver e assim pode continuar a explorar o filão sem grande trabalho ou investimento adicional. Mas fora isso nada de novo há a recomendar em «Room 205». Apesar de aprumadinho, trata-se apenas de uma manipulação mais ou menos desinspirada do universo do horror nipónico, com um argumento satisfeito por não ultrapassar os códigos mais batidos do género (sim, o fantasma de longo cabelo comprido passeia-se também pelos elevadores), e apenas a especificidade fonética da língua dinamarquesa contribui para dar um tom exótico ao todo. De resto, dá pena ver como esta indústria apoiada em homenagens, citações, remakes de originais e remakes de cópias de originais começa a perder matéria-prima para reproduzir. E depois, o grande nada.



[Edição em DVD pela norte-americana Ghost House Underground - sim, pertence a Sam Raimi, vá-se lá falar em redundância. Como extras, cenas de bastidores, entrevistas e uma catrefada de trailers de outros filmes da editora. Comprem, por exemplo, aqui.]

terça-feira, Janeiro 12, 2010

TRAILER PARK OF TERROR


de Steven Goldmann, 2008 [EUA]
☻☻
Primeira longa de relevo para Steven Goldmann, realizador de videoclips para os Metallica e Bruce Springsteen, aqui a apostar na adaptação da banda desenhada de James Dracoules editada pela Imperium Comics. Zombies redneck, white trash chicks descascadas, banda sonora carregada de hard-rock sulista, eis mais um exemplo do terror hillbilly que se tem popularizado nos últimos anos através da recuperação de um certo cinema de culto dos 70's. As semelhanças com o universo de Rob Zombie são evidentes logo desde o segmento de abertura, que apresenta uma jovem empenhada em fugir de um futuro decadente na comunidade trailer-park onde nasceu. Depois, bom... depois vêm os monstros. Mortos-vivos com guitarras eléctricas, muito sexo, algum gore jeitoso, tudo enrolado através de um sentido de humor escatológico que passa quase sempre ao lado. «Trailer Park of Terror» até se vai vendo bem, tem pinta e bons valores de produção para a notória falta de meios que apresenta, mas falta tudo o resto. E mesmo num género já tão zombificado, o recente remake de «2001 Maniacs» conseguiu melhor.



[Existe apenas em edição DVD pela norte-americana Summit Entertainment. Sem extras de relevo, apresenta as versãos R e unrated do filme. Vejam, por exemplo, aqui.]

domingo, Novembro 09, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 29


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

quinta-feira, Novembro 06, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 28


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

terça-feira, Novembro 04, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 27


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

quarta-feira, Outubro 15, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 26


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

quarta-feira, Outubro 01, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 25


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

sexta-feira, Setembro 26, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 24


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 2 pontos)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

quinta-feira, Setembro 18, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 23


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

THE BREED


de Nicholas Mastandrea, 2006 [EUA]
☻☻☻
TRAILER
Cinco colegas de liceu partem de barco para uma ilha deserta, planeando um fim-de-semana de copos e divertimento ao ar livre. Mas quando lá chegam, descobrem que afinal não estão sozinhos. Apeados na ilha, sem forma de regressar, vão ter que lutar pela sobrevivência e combater os… Ainda aí? O resumo não promete, certo? Mas então vá. «The Breed» é um regresso ao cinema de género dos anos 70, mais concretamente ao estilo homem-versus-natureza-enfurecida, contratando neste caso uma matilha de cãozorros maus como tudo para protagonistas. E são cães a sério, nada de deformações digitais por aqui. Nick Mastandrea, protegido de Wes Craven (que produz o filme), pretendeu fazer da sua fita de estreia uma aventura de terror séria e realista. Pegando num tema não particularmente novo, aposta o pêlo na acção, que irrompe poucos minutos após o genérico inicial e concentra todas as energias. De parte ficam por isso as personagens tolas e o humor salivado (bom, um bocadinho só) – os heróis são cinco jovens, mas estão mais bem desenhados do que é costume. É um filme físico, sequinho, descomprometido e afável, levado às costas pelo trabalho dos duplos e pela interpretação dos cachorritos endoidecidos. Bom, e depois ainda há a Michelle Rodriguez a dizer "give Cujo my best!", antes de fazer explodir um laboratório lotado de canídeos.

[Texto editado a partir do original publicado na revista Hype!, núm. 9, Junho 2008.]




(Edição nacional pela Prisvídeo, formato 1.85:1 anamórfico, som Dolby 5.1. Há duas peças documentais – cerca de meia hora cada - que esticam a experiência e revelam os bichos por detrás dos monstros. E não é que são uma simpatia?)

quarta-feira, Agosto 27, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 22


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

quarta-feira, Agosto 13, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 21


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 pontos)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

terça-feira, Julho 01, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 20


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 2 pontos)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

MONSTER SQUAD


de Fred Dekker, 1987 [EUA]
☻☻☻
SITE OFICIAL
Inacreditável como, no meio de tanto lixo que abunda no mercado internacional de DVD, um mini-clássico como este estivesse ainda por editar. Chegou agora às lojas norte-americanas, em edição cuidada, com dois discos, a pretexto dos 20 anos sobre a estreia em sala. «The Monster Squad» é uma comédia de terror apontada para o público juvenil, uma espécie de «Goonies» embeiçados pelos clássicos da Universal. Realizado em 1987 por Fred Dekker - autor de «Night of the Creeps», «Robocop 3» e vários episódios da adaptação televisiva de «Tales From the Crypt» -, conta a história de um grupo de miúdos que se diverte a imaginar aventuras sobrenaturais, até ao dia em que vão mesmo ter que juntar forças para dar cabo de alguns novos vizinhos, nada mais nada menos que o conde Drácula, o monstro Frankenstein e o clássico lobisomem. Tão ingénuo quanto perverso (a noção de filme para toda a família era, nos anos 80, bem diferente da correcção política dos tempos actuais – basta este filme para lembrá-lo) e muito bem carpinteirado quer nas sequências de horror quer no tipo de fantasia pré-teen a que se propõe.

[Texto editado a partir do original publicado na revista Hype!, núm. 7, Abril 2008.]





(Região 1 pela Lions Gatem formato 2.35:1 anamórfico, som Dolby 2.0 e 5.1, legendas em espanhol e inglês. O elenco reuniu-se, vinte anos depois, para um comentário áudio e um novo documentário sobre a rodagem. Dos extras destacam-se ainda cenas inéditas e uma extensa galeria de trailers e imagens. Ver, por exemplo, aqui.)

quinta-feira, Junho 19, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 19


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

VAMOS LÁ...

... acabar com esta volta do Combo Puzzle, que se faz tarde. Desculpem a demora. Segue mais um, já, já.

sexta-feira, Maio 23, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 18


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

MR. BROOKS


de Bruce A. Evans, 2007 [EUA]
☻☻☻
SITE OFICIAL
Kevin Costner é Mr. Brooks, homem de negócios de sucesso, pai e marido exemplar. Mas esconde um segredo: de vem em quando dá-lhe para libertar o seu alter-ego (William Hurt), e juntos gostam de partir aí pela noite em busca de desprevenidos para assassinar. Uma detective da polícia (Demi Moore), também ela lutando com demónios pessoais, é quem vai tratar de acabar com a carnificina.
«Mr. Brooks», thriller psicológico sobre instintos primários, é uma comédia. E convém assumir esse ponto de vista: o tom campy, disfarçado de contenção dramática, parece funcionar como paródia subliminar a filmes como «American Psycho» e «Silence of the Lambs». É um filme desnorteado, também ele com dupla personalidade, que vai saltitando entre estados de espírito sem grandes sentimentos de culpa, tudo com base num argumento afoito e imprevisível. E (quase) sempre de cara séria.
Mas o melhor passa pelo casting de has-beens – um verdadeiro paraíso de nostalgia para a geração de 80, que joga com a imagem de marca dos actores. De «Sizzle Beach USA» (sexploitation da Troma) a «Dances With Wolves» e «Waterworld», Costner foi alternando alegremente projectos de credibilidade oscarizável com aventuras trash desavergonhadas. Vê-lo aqui como émulo de Jekyll & Hyde soa à melhor das piadas. E Demi Moore, supreme bitch, é tal e qual a julgamos na vida real. Medo.

[Texto editado a partir do original publicado na revista Hype!, núm. 6, Março 2007.]


(Edição nacional pela Prisvídeo com o título «A Face Oculta de Mr. Brooks. 2.35:1 anamórfico, Dolby 5.1. Nos extras, um curto bloco de entrevistas e um outro de imagens de bastidores, em bruto e sem contextualização, preferem não revelar muito sobre o filme. Melhor assim.)

terça-feira, Maio 20, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 17


As palavras sugeridas pelas imagens revelam o título de um filme. Qual é ele?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

terça-feira, Maio 13, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 16


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 2 pontos)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

PLANET TERROR


de Robert Rodriguez, 2007 [EUA]
☻☻☻☻
SITE OFICIAL
Já tanto se escreveu durante o ano passado sobre «Planet Terror» e «Death Proof» - os dois filmes que compõem o projecto «Grindhouse» -, que soa um pouco desnecessário, injusto até, continuar a querer comparar e impor preferências sobre cada uma das fitas. Mas é inevitável que isso aconteça, já que o back to back pareceu sugerir uma competição amigável entre Robert Rodriguez e Quantin Tarantino, e uma vez que as abordagens à recuperação do cinema exploitation são tão diferentes entre os dois autores. É que enquanto Tarantino é um esteta (e o seu «Death Proof» um dos filmes mais radicalmente experimentais de tempos recentes, verdadeira carta de amor à liberdade das imagens), Rodriguez contenta-se em ser um técnico exuberante que faz filmes muito divertidos e cheios de pinta. Posto isto, «Planet Terror» é realmente cool. Fita de zombies modernaça, cheia de piscadelas de olho aos clássicos do horror moderno (George Romero, Tom Savini, mas também John Carpenter e Dan O’Bannon), é essencialmente uma comédia de acção hiperactiva, onde o gore cartoonesco assume o seu lado digital sem que isso choque com a sujidade orgânica associado ao low-budget destas coisas. Fica-lhe muito bem a modéstia de se saber um trabalho subserviente, até porque não é qualquer um que consegue fazer assim tão bem. E agora deixem lá isso da exploitation em paz, que só no escurinho subterrâneo é que ela gosta de sobreviver.

[Texto editado a partir do original publicado na revista Hype!, núm. 6, Março 2007.]




(Edição nacional pela Prisvídeo. 1.85:1 anamórfico, Dolby 5.1 e DTS. A edição especial com dois discos oferece quase hora e meia de extras muito bem escolhidos, entre entrevistas em conferências de imprensa e documentários de bastidores. «Planet Terror» está também disponível em disco único e ainda na sua encarnação original, como double feature com «Death Proof», em lançamento “económico” (dois discos) ou integral - quatro discos, em exclusivo nas lojas FNAC.)

terça-feira, Abril 29, 2008

COMBO PUZZLE º [L] 15


Do poster original só restou um estilhaço. Qual será o filme?
(vale 1 ponto)


Participem para ganhar um destes DVD's. Mais informação aqui.

BACK IN ACTION

Depois de três semanas com as energias concentradas no ciclo «Jukebox Baby» na Zdb - obrigado a todos os que apareceram e fizeram do evento um sucesso! -, cá estamos de volta aos updates do costume. Segue para já mais um puzzle.

terça-feira, Abril 22, 2008

JUKEBOX BABY: THE LOVELESS

«JUKEBOX BABY»
Quartas-feiras na ZDB, 21H30, entrada livre

Terceiro e último filme, amanhã, quarta-feira às 21h30.
Um grande filme, inédito em Portugal: «The Loveless». A não perder, pois claro.
Atenção: esta sessão acontece no NEGÓCIO/ZDB: Rua do Século, nº9 Porta 5

THE LOVELESS (EUA, 1982, s/ legendas)
de Kathryn Bigelow e Monty Montgomery
com Willem Dafoe, Marin Kanter, Robert Gordon
«Fita de estreia da autora de «Near Dark», rodada a meias com o futuro produtor de «Wild at Heart» e «Twin Peaks». É uma revisitação arty aos velhos biker movies dos anos 60, estilizando a acção e reduzindo a história ao mínimo, para que reste apenas o fetichismo sexual do cabedal e cheiro a pneu queimado. John Lurie e Robert Gordon, que também protagoniza, tratam do acompanhamento musical.» (MV)

http://www.zedosbois.org/indexzdb.htm







"A PARQ lança a sua primeira iniciativa cultural: «Jukebox Baby», um mini ciclo de cinema em Abril, programado pelo Mário Valente - oportunidade única de ver filmes raros de encontrar ou visionar numa sala de cinema. O ciclo foi concebido pelo Mário a convite da Parq e dirige-se a todos os amantes de bom cinema, frequentadores da ZDB, amigos, leitores da revista e curiosos. A entrada é livre e já sabem…quem não aparecer não é sexy." (PARQ)

quarta-feira, Abril 16, 2008

JUKEBOX BABY: OUT OF THE BLUE

«JUKEBOX BABY»
Quartas-feiras na ZDB, 21H30, entrada livre

Mais um filme na ZDB. Hoje, quarta-feira, é a vez de «Out of the Blue» . Contamos com a presença de todos!

OUT OF THE BLUE (EUA, 1981)
de Dennis Hopper
com Linda Manz, Dennis Hopper, Sharon Farrell

«Out of the blue and into the black», como diz Neil Young no seu hino ao punk, «Hey Hey, My My», tema que envolve o genérico e dá mote a todo o filme. Drama on-the-road degenerado, como um filho de «Easy Rider» que em vez de rock psicadélico prefere trancar-se no quarto a ouvir o punk que chegava de Inglaterra: «Kill all hippies!». O «no future» apregoado pelos Sex Pistols feito aparatoso acidente de camião. (Mário Valente)

http://www.zedosbois.org/indexzdb.htm







"A PARQ lança a sua primeira iniciativa cultural: «Jukebox Baby», um mini ciclo de cinema em Abril, programado pelo Mário Valente - oportunidade única de ver filmes raros de encontrar ou visionar numa sala de cinema. O ciclo foi concebido pelo Mário a convite da Parq e dirige-se a todos os amantes de bom cinema, frequentadores da ZDB, amigos, leitores da revista e curiosos. A entrada é livre e já sabem…quem não aparecer não é sexy." (PARQ)